quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

26/12/2007 - Hard Job

Eu, Brendon e Britney

Mais um dia duro de trabalho… oito horas e meia de jornada sem pausa, apenas meia hora pro almoço. Todos os quartos que fiz hoje foram back to back, o que significa que os hóspedes deixaram o quarto e novos hóspedes entrarão no mesmo dia. Ou seja, tem que limpar tudo, cada milímetro, geladeira, fogão, pia, todas as louças, banheiro, tudo! Minhas mãos estão machucadas por causa dos químicos que usamos para limpar. Eles penetram na pele, mesmo usando luvas. Oh, man, actually I wasn’t born for this kind of job… cheguei em casa quase nove horas da noite, menos 26 graus lá fora, tomei um banho bem quente e uma dose de uísque que os amigos da Britney me ofereceram. Eles estavam aqui quando eu cheguei. Um deles não me lembro o nome, o outro é o Brendon, um garoto muito legal que monta motores para carros antigos, motores turbinados, para corrida. Muito interessante. Lá pelas dez fui visitar o Paul porque fiquei sabendo que ele foi parar no hospital com pedra no rim… mas foi uma visitinha rápida, ele estava realmente de mau humor e eu que já tive esse negócio sei que, com aquela dor, fica impossível ser simpático. Então voltei pra casa e entrei debaixo das cobertas.

Nenhum comentário: