quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

19/12/2007 - Reclamando de barriga cheia

Eu com a jaqueta do meu uniforme!


Meu segundo dia de treinamento foi tranqüilo, tive só que ficar olhando o cara limpar pra aprender como se faz.

Minha equipe de treinamento é composta por dez pessoas, todos brasileiros, são três garotos, sendo dois de Curitiba e um do Rio Grande do Sul, e mais sete meninas, três do Rio e quatro de Curitiba, já contando comigo. Eles chegaram aqui na sexta passada, uma semana depois que eu, e não conseguiram o housing pra morar. Estão tendo de gastar uma grana em hotel, pagando por dez dias o que eu pago no mês.

Ontem as coordenadoras americanas do nosso programa de intercâmbio vieram acalmá-los e conseguiram casas de família pra eles ficarem a um preço mais barato, mas as casas ficam nas cidades vizinhas, pois aqui em Keystone não tem mais nada mesmo. Tudo lotado. E pra piorar, as casas onde alguns deles vão ficar são de mexicanos, pessoas que não falam inglês, ou seja, se o objetivo deles era aperfeiçoar o inglês, também serão lesados nisso.

Por isso não posso reclamar. Sempre digo: minha bunda não é grande somente para ocupar lugar no espaço. Sou muito sortuda. Ah, sim! Por falar em rabo grande, me aguardem. Já tô emagrecendo porque estou comendo bem no café e uma coisinha aqui outra ali de três em três horas durante o resto do dia. Até hoje não tomei nenhum gole de refrigerante e só comi um donnut. Estou resistindo bravamente ao fast food americano. E com os exercícios diários do housekeeping, pretendo ficar bem gostosona!

Hasta la vista, hermanos.

Nenhum comentário: