domingo, 10 de fevereiro de 2008

06/02/2008 - Rocking the mountain and the bus service!




Hoje fui fazer snowboard sozinha, numa montanha mais radical, chamada Montezuma, em Araphoe Basin. Que aventura! Peguei a rota azul, mas no meio do caminho sei lá o que eu fiz que entrei na rota preta e puta que pariu, é uma pista cheia de ondulações, rugosa, horrorosa, enfrentei as curvas mais radicais e íngremes as quais jamais imaginei que pudesse dominar… e na verdade, não dominei, caí pra burro, mas serviu pra eu aprender mais. Hehehe…

Cheguei em casa podre e morrendo de sede, com as pontas das orelhas ressecadas do frio, e elas estão descascando, ugh, that’s disgusting. Tomei um banhão quente e durante o banho uma cerveja gelada e olha, que coisa boa tomar uma cerveja no banho!!!!

De tardinha fui no Goat jogar sinuca. Fui sozinha porque nenhuma vivalma quis ir comigo e eu não queria ficar em casa, já que minha roomate está se saindo uma grande - em todos os sentidos - ninfomaníaca. Cheguei no bar e todo mundo me olhou como se eu fosse uma esquisita, acho que aqui não é muito comum garotas irem em bares sozinha, mas blé, não tô nem ligando. Coloquei minhas moedas na mesa, fui comprar uma high life e fiquei esperando chegar minha vez. E rárá, tirei o fodão que estava há três rodadas (desde quando eu cheguei) jogando e ganhei mais dois jogos, o que significa que ganhei 3 rodadas e só paguei uma. Depois a Ashleigh chegou e a gente jogou pebolim (foosball) com mais dois garotos, e o meu parceiro era meu xará, também se chamava Alex.

Pouco antes da meia noite recebi uma ligação abençoada! Há dois dias atrás conheci o Drew, motorista do E.A.S.E Bus (Extended Area Service Express), único ônibus que funciona até meia noite e até duas da matina nos finais de semana. Conheci ele no Goat, naquele dia maluco da tequila. Ele é da Florida, um toquinho de gente, magricelo e mais baixo que eu, enfim, eu nem lembrava que tínhamos trocado telefones. Quando ele me ligou e eu vi “Drew” no meu celular, eu perguntei pra Ashleigh, who tha fuck is Drew, e ela disse, the bus driver, and then I remembered that night, I was drunk and told him that he’s always so angry and the other drivers are so cool.

Enfim, pedi desculpas e expliquei que tinha bebido um pouco demais naquela noite e ele disse que tudo bem, e me perguntou onde eu estava e eu disse que estava no Goat, então ele ofereceu uma “carona”… resumindo, não precisamos andar do ponto até em casa debaixo de neve, ele nos deixou aqui na porta de casa! Hahahaha… me senti tão importante! O ônibus entrando no Sunrise Housing e me deixando aqui na frente… eu sou foda!

Nenhum comentário: