sábado, 19 de novembro de 2011

Pergunte ao Pó



 Ask the Dust by Xanda Lemos

Fiz essa música em agosto, inspirada num personagem do John Fante chamado Arturo Bandini, do livro Pergunte ao Pó. Li este livro há muitos anos atrás, e lembro-me de ter ficado profundamente marcada por ele. A sensação maior ao lê-lo era de revolta. Indignava-me as tempestades que Bandini fazia em copos d'água, e por isso mesmo, eu tinha certeza, sua vida era uma vida de merda.

Eu conheço muitos Bandinis, e às vezes eu mesmo me torno um. Então fiz a canção pra mim, pra eu parar de me incomodar e de ser mal agradecida, e ficar só reclamando. Meus problemas são mesmo insolúveis? Vale a pena sacrificar vidas inteiras por causa de coisas tão ínfimas?

E por fim, essa é só uma demo que será futuramente gravada com mais cuidado.

4 comentários:

Leonardo B. disse...

[não imagina o reconforto que essa sua canção me devolveu,

me devolve nesta tarde fria, e sem poeira dos caminhos por marcar]

Pela partilha, tão grato

Imenso Abraço, Panda

Leonardo B.


* não resisti a fazer o download da faixa... tem que "ficar" no MP4, mesmo!!!

Panda Lemon disse...

\o/

Mas que alegria que minha canção cruzou o Atlântico e foi tocar pelas bandas de Portugal!!!

Obrigada pela visita, pelo comentário, e pelo download!

Sinta-se à vontade para compartilhar.

Quando a versão definitiva ficar pronta, vou lá no seu blog avisar.

=D

Volte sempre.

Talita disse...

devo dizer que essa canção me fazia chorar quando a Xanda cantava, ainda compondo ela no estudio, e eu no quarto de hospedes em sua casa em Charlotte...nao sei porque..talves por causa deela se acompanhar com uma viola...será que a viola fala na alma do brasileiro assim como um carma...todo brasileiro tem uma dor na alma que só a viola pode mostrar...sei lá... sósei que me tocou profundamendte !

Panda Lemon disse...

Certamente a viola toca nossa alma brasileira, mãezinha...

e também - sem querer me achar muito - a música tem uma mensagem muito bonita que toca o coração de qualquer um de nós, que vive reclamando de tudo e se esquece que a vida não passa de um instante, e que precisamos fazer com que esse instante seja o melhor possível!

do your best.