quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Floresta de Gigantes



De Davenport seguimos para Felton, uma cidadezinha que fica mais longe da costa e meio escondida nas montanhas.

Além da van do Scooby, Felton tem um passeio de Maria Fumaça!

Por ser uma viagem rápida (meia hora, nem isso, partindo tanto de Davenport quanto de Santa Cruz), vale a pena sair da rota só pra conferir o Henry Cowel State Park -- uma reserva florestal com trilhas planas e fáceis de percorrer.



Lá vimos pela primeira vez -- e inclusive entramos em uma delas -- as magníficas Redwood trees: árvores centenárias (algumas milenares), que também chamamos de sequoias (e seu nome científico é Sequoia sempevirens).

Bruno apontando para o ano do nascimento de Cristo.

Quando atinge a maturadide -- uma árvore dessas é considerada adulta a partir de 150 anos de idade -- elas podem alcançar mais de 100 metros de altura! E sua madeira é super resistente, a única capaz de suportar as queimadas que, infelizmente, são bem frequentes na California. Seu tronco é feito de um casco rugoso e forte, mas parece leve e poroso ao toque.



Durante e depois de uma queimada, a árvore produz uma seiva que protege e literalmente "cicatriza" as queimaduras. Assim, a maioria das sequoias sobrevive aos incêndios florestais. E o mais curioso é que mesmo quando morrem, de seus troncos podem nascer duas ou três ou mais árvores, que crescerão e eventualmente "ressuscitarão" a árvore que estava morta, incluindo-a em seu ecossistema para circulação de seivas e nutrientes.



Não é fantástico? E nós em nossa imensurável prepotência ainda achamos que somos seres superiores às plantas! Rá Rá!

Abaixo um vídeo da árvore mais famosa do parque, a Freemont Tree.


Ps1: O norte da California tem vários parques como esse, que são verdadeiros santuários naturais. Porém, por serem maiores e mais perto da cidade grande, são bem mais disputados e cheios de turistas. A gente tentou ir em um antes de visitar Napa Valley, mas tinha uma fila enorme de carros, e quando enfim chegamos lá, foi impossível achar lugar pra estacionar! Talvez se tivéssemos chegado mais cedo (o parque abre às 8 da manhã) teríamos conseguido. Mas no fim tudo deu certo, e o Henry Cowel caiu como uma luva em nossa viagem!


Ps2: Eu provavelmente estarei colocando a vida de uma socialite foragida em risco se disser seu nome, mas encontramos a mulher de um dos condenados do mensalão com seu cachorro, bela e formosa admirando as sequoias no parque... e o pior de tudo é que foi ela quem puxou papo com a gente, notando que éramos brasileiros.

Vocês também são brasileiros? E a gente disse arrã. E após trocarmos nossas impressões sobre a floresta, perguntamos se ela morava na California ou se só estava passeando. Ela suspirou e respondeu: Eu estou foragida. Fui ameaçada de morte no Brasil e tive que deixar o país.

Que horror!, exclamamos. E o Bruno comentou: lugarzinho bom esse que você escolheu pra se esconder, hein? É, ela concordou e completou sem cerimônia, eu sou mulher do _____________ (nome que não nos soou estranho, mas que a gente não fazia a menor ideia de quem era).

Notando a interrogação na nossa cara ela continuou: O _____________, que foi condenado agora pelo mensalão! Ahhhh! E para escancarar a nossa ignorância eu perguntei, mas e ele, está aqui com você? Claro que não, meu marido está condenado!

Então eu emendei: mas até onde eu saiba ninguém dos condenados do mensalão foi preso. Ao que ela respondeu com um certo desdém e uma dose de sarcasmo: e por acaso algum político vai preso no Brasil?

Pois é, dissemos um tanto embaraçados, bom, boa sorte. E saímos de perto! WEIRD!!!

5 comentários:

Ivo disse...

Pandinha linda

Veja só o que faz a falta de informações. Quando passamos por aí em 1996, nem fazíamos ideia que existia esse parque. Só sasbíamos dos parques mais ao norte, mas que acabamos não indo.

Beijos do Sogrão

P.S.: e ao menos a mulher do VCN é bonita?

Fátima Zagonel disse...

Esqueci de dizer no outro comentário que eu adorei a parte do "marido lindão, gostoso,etc.... hehehe
Que fantásticas estas arvores, que pena que a nossa ingnorâcia...
Não consegui contar quantas pessoas sairam da árvore, mas era gente pra c...
Você disse que ainda precisa escrever um livro...a tese não conta??
Muito bom o seu exto como sempre, um prazer ler e acompanhar as vossas avernturas.
Obrigada por compartilhar (isto ficou bem brega...)
Beijins

Panda Lemon disse...

Ficou brega nada, Fatiminis!

Pois é, a tese é sim, um livro. Inédito, mas um livro! Então agora só falta plantar a sequoia que trouxemos e claro, fazer um filho. Hihihi.

Sogrão! A mulher não era nem bonita nem feia, mas com certeza ela deu uma embarangada, comparando com as fotos de quando ela ainda era socialaitch no Brasil...

rose borges disse...

Seu sogrão deu a dica, foi facinho gulgar e achar. Mas que coisa hein? "A mensaleira e as sequoias"

Panda Lemon disse...

Wrouzie, vc é oááááátima!