domingo, 9 de maio de 2010

Feliz dia das Mães!

Mamãe Amandha e sua Alice


Neste domingo - o mais lindo do calendário - gostaria de deixar aqui minha homenagem a todas as mães desse mundão! Às mães adotivas, às mães casadas, às mães desquitadas, às mães solteiras, às mães viúvas, às mães que estão no céu, às mães bem jovens, às mães madames, às mães donas de casa, às mães malucas, às mães moderninhas, às mães conservadoras, às mães pretas, às mães brancas, às mães de santo, às mães que ainda serão mães, enfim!!! Parabéns Mamães! Vocês merecem!

E um parabéns todo especial pra vc, mamãe Amandha, por ser o seu primeiro dia das mães! Depois vc me conta como foi esta emoção, ok?

Beijos!

20 comentários:

AmmL disse...

Primeeeira aqui :D

Ivan disse...

Só faço a pole porque ando totalmente inspirado:
então aqui vai o devido poema de homenagem:

NUM DIA DAS MÃES

Já cantou o Djavan:
pai e mãe: ouro de mina
mãe é um amor que nunca termina
e este poeta Ivan
em homenagem a todas as mães, manda
uma saudação à jovem Amandha
e sua pequena Alice
e mais não preciso dizer,
pois a Xanda disse.

Ivan disse...

Fiquei me achando,
e não fiz a pole mesmo:
foi por causa do entusiasmo
mas o poema, sem egoísmo,
cede a pole a quem se revele:

saudações para a AmmL

AmmL disse...

Obrigaaado Xanda!
Não só nos dia das mães, mas ser mãe é em todos seus momentos algo indescritível! Ter uma pessoinha dependente de você é sentir-se a pessoa mais importante e especial do mundo todo!
Talvez essa data comercial nos lembre de agradecer essa pessoa tão importante, que em algum momento foi tudo o que precisamos.

Feliz dia das mães para todas as mães, e até as futuras quem sabe hã?
beeeijos

cristina disse...

Meu amor, sou tua irmã, mas sempre me senti um pouco sua mãe também... Obrigada pela homenagem linda!!!
Hoje, depois de dois filhos, me vejo às voltas com uma netinha... coisa incrível!!! agradeço à Amandinha e ao Yuri pela alegria de ter Alice por perto!!!
Ontem aqui em casa foi uma festa incrível, surpresa promovida pelo seu cunhadinho pelos meus 45. Meia noite, meus filhotes entraram na sala com meu presente do dia das mães! As mamães Etel, Jacque, Gilda, Mana (mãe da Louise), Mamãe, Amanda, Amandha, todas elas começaram a se abraçar, como se fosse ano novo, natal, sei lá, algo parecido, nunca antes vivido por nenhuma de nós. Até aquela musiquinha "mamãe, mamãe, mamãe... eu te lembro o chinelo na mão..." foi cantada em tom festivo!!! Um sarro...

Ivo e Fátima disse...

Pandinha linda

Sogrão atrasadão só agora chegando em casa, após almoço das mães lá na Catarina. Na realidade, almoço com muito poucas mães - só a Rosa, Cati e a Fátima. Letícia e Carolina ainda não o são, e a Mana não foi.

Enquanto isso, fica aqui o meu parabéns para a futura (longínqua???) mamãe Panda.

Beijos

Sogrão

Alessandra Pilar disse...

Feliz Dia das Mães pra todas nós!!! E que linda imagem essa da Amandha com Alice... nada mais justo que a mamãe fresca ganhar essa homenagem.
E um parabéns futuro para a nossa mamãe Panda!!! hehehe.
bjocas

Fatima disse...

Panda querida, de todas as mães que você sitou, me sinto um pouco de cada uma. Hoje particularmente me sinto uma mãe maluquinha de vontade que sábado chegue logo!
Que linda A Amandha e sua Alice...uma imagem pereita para esta data, uma mãe e sua filha, nada precisa ser dito. Desejo a todas você que já são mães que sintam sempre assim os filhos de vocês, bem perto do peito, como se ainda fosse possível amamenta-los. E para vocês que ainda serão mães, desejo que um dia venham s sentir esta benção que é amamentar um filho, segurá-lo assim bem junto ao peito como se fosse para sempre.
Um beijo,
Sogronis maluquetis

Ana Balbinot disse...

Xandinha,
Feliz da das mães para você também, qua ainda será mamãe! Beijos para a sua mãe, para a sua mãe sogronis e para a Amandha!

Panda disse...

Amandhinha, graças à inspiração de nosso poeta, vc conseguiu sua tão merecida pole! Não poderia ter dado mais certo!

Com certeza você é a pessoa mais importante do mundo pra Alice, desde quando vc começou a carregá-la dentro da sua barriga! Agora dando de mamá, dando colo, dando banhinho, a Alice conhece bem sua voz, seu cheirinho, e mesmo sem enxergar direito, ela te reconhece e te sente por perto!!! E o papai tb é importante, mas nesta fase a mãe desempenha, sem sombra de dúvidas, o papel principal no criar de uma criatura!!!

Beijos minha linda, tamo chegando com um moooooooonte de presente pra Alice! Mal vemos a hora de conhecê-la e dar um cheirinho, uma cafungada, fazer um cafuné!!!!

Panda disse...

Poético Ivan Justen, justamente na postagem dedicada à Amanhdinha, era justo que ela conquistasse a pole!

Sua sensibilidade de poeta, mesmo quando desintencionada, permitiu a esta jovem dama que postasse por primeiro!!! Mui merecidamente!!!

Well well well... parabenizo-lhes (Ivan e Amandha) pelas postagens feitas no mesmo exato minuto - e a vc, Ivan, por seu arremate 4 minutos depois, que ficou oááááááátimo!

Panda disse...

Minha amada irmã, que sempre cuidou de mim como minha mãe!!! Saudaaaaades das nossas conversas e das músicas inacabadas!!! Esses dias tava escutando algumas pérolas no gravadorzinho! demais os
nossos jingles! não sei como o mercado publicitário nunca nos descobriu, viu?

Agora você é mãe 2 vezes, né vovó? Parabéns... sua sortuda... vc sempre quis uma menininha né, tentou duas vezes e veio 2 piazão bonitos! Fortunately, um deles te deu de presente a neta que vc tanto quis.

Parabéns, Cris! Pelo dia das mães, por ser uma avó tão linda e jovem e descolada e moderinha!!!

E também pelo seu aniversário!
Tenho certeza de que a festa foi maravilhosa... meu cunhado é o melhor preparador de surpresas boas que eu conheço!!! Parabéns, Cris, vc merece esses filhos lindos, esse marido gatão e agora duas filhas lindas - Amandha e Alice - para completar a beleza harmoniosa (3 homens, 3 mulheres) da família!

Beijos AMO AMO AMO AMO vcs.

Panda disse...

Sogrão!

Que dia das mães mais humilde, só com 3 mães! E a sua mamãe? E Mana e Sávio??? E a Biaiá, e o Biel??? Aposto que com eles a festa ficaria farta!

Mas essas 3 mães que compareceram são, com certeza, ótimas representates da classe materna! Dona Rosa, Mão (mãe) de ferro... Dona Cati, mão (mãe) santa e abençoada... e Fatiminha, mão (mãe) talentosa!

Uhuuu! Contagem regressiva, sogrão! Daqui a pouco chego aí pra acabar com seu estoque de cerveja, hahahaah!!!

Panda disse...

Pilarzinha, feliz dia das mães pra vc!!! Sei que esta data, pra vc, ao mesmo tempo que é gratificante por vc ser mamãe deste nenê tão lindo e perfeito que é o Chico, é também um pouco nostálgica, já que sua mãezinha não está mais fisicamente aqui pra vc paparicá-la neste dia...

Saiba que admiro muito sua força, seu caráter batalhador, seus talentos, e sua amizade foi uma das boas surpresas que tive desde que moramos nos EUA... obrigada petit!!!

Panda disse...

Fatimoca, desculpe não te ligarmos ontem pra desejar feliz dia das mães. Mas prometo que assim que vc chegar aqui vamos paparicá-la tanto, mas tanto, mas taaaanto, que vc nem vai lembrar que quando ligamos ontem já era tarde e vc tava dormindo!!!

Nossa vida social neste cul de sac está uma coisa... chegamos em casa ontem da casa dos nossos vizinhos era mais de onze da noite... antes disso, fomos na casa do John... ele nos deu uns quadros lindões, um espelho mais lindão ainda e jantamos lá com ele!!
Antes de irmos no John, saímos pra comprar os pisentinhos que vamos levar...

afff...

nos falaremos hoje!!!

Feliz dia das mães mesmo atrasado...

Bjos!

Panda disse...

Ana! Sua postagem do dia das mães me deixou realmente emocionada, e me fez pensar que minha mãe também merece uma homenagem como aquela...

Um beijo pra vc, linda!!! Espero poder conhecê-la pessoalmente, vc e o Filósofo!

Um beijo!

Talita disse...

Oi filha ainda não comentei sua homenagem as mamães, mas aqui estou com minha contribuição em grande estilo com essa linda poesia do nosso poeta maior!

Para Sempre (Drummond)

Por que Deus permite
que as mães vão-se embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga
quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.
Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Por que Deus se lembra
- mistério profundo -
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre
junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.

Talita disse...

na contagem regressiva para a chegada de vcs ao aconchego do lar natal!
bjs

diva disse...

queridos.nao vejo a hora da chegada de voces.
Esrero que façam uma boa viagem.Beijos da Vó Vivinha.

Fatima disse...

Pandinha minha flor, não esquente, vai ser dia das mãe cada dia que vocês estiverem aqui, e cada dia que eu estiver ai.Não me papariquem muito ou ninguém vai me aguentar na volta! Vou adorar....
Só faltam3 dias, oba oba oba oba oba oba oba oba oba oba oba oba oba oba
Beijocas