domingo, 27 de dezembro de 2015

O Primeiro Mês do Nosso Bebê


Anthony já sem a cânula no colo da sua amiga/irmã/prima de coração
A comemoração do primeiro mês de vida do Antony foi muito especial! Primeiro porque caiu no dia de Natal e depois porque o vovô Ivo e tio Caetano chegaram para alegrar ainda mais a nossa festa! As vovós prepararam uma ceia deliciosa, afinal tínhamos muito o que celebrar neste Natal!

E este foi praticamente um Natal tropical, com chuvas torrenciais e muito calor. Estamos de shorts e camiseta em pleno dezembro americano. Até que veio a calhar, pois minha mãe não suporta frio. E por ser tão pequenininho, e ter passado os primeiros dias na UTI, e ter vindo pra casa conectado às máquinas, o Anthony não pôde aproveitar o restinho de outono fora de casa. Então nesses últimos dias em que ele está "wireless" e a chuva deu uma trégua saímos passear! E hoje ele até pegou uns rainhos de sol! Vitamina D sempre muito bem vinda.

Falando em raios de sol, ouça só essa música que o Lydio Roberto fez pro Anthony e pra Alice! Que presentão nosso pequeno ganhou deste titio talentoso e inspirado!


O primeiro mês do nosso bebê passou voando! E embora atribulado, foi cheio de coisas boas! Aqui estão os highlights dos primeiros 30 dias...

  • Anthony veio pra casa conectado a máquinas e monitores, sob a supervisão periódica de uma enfermeira que nos visitava em casa 3 vezes por semana. Foi assim que nós conhecemos a Omo Lola, uma enfermeira nigeriana muito querida que cuidou muito bem dele e até nos ensinou uma canção de ninar em Yoruba.
  • Na terceira semana de vida ele fez circuncisão e já está praticamente 100% recuperado. Acho que nós sofremos bem mais do que ele, eu até fiquei doente, chorei um dia antes, no dia D, e nos dois dias seguintes, toda vez que tinha que trocar a fralda e fazer o curativo... e o danadinho só chorou durante o procedimento e na primeira troca de fraldas. 
  • Falando em chorar... Anthony não era assim muito amigo do banho. Ele se esguelava toda vez que sentia a água bater na bunda. A gente então fez uma terapia progressiva. Primeiro dava banho só a cada três dias, depois dois dias, depois dia sim, dia não, até que completou 1 mês e quase não chorou no banho. Ontem não chorou nem um pouquinho! E hoje até curtiu a água...
  • A terapia progressiva funcionou também com o oxigênio. No hospital o volume era de 5 litros. Antes de vir pra casa, cortaram para 2,5 litros. E depois para 1. Chegando em casa, a gente abaixou para 0,75. Na próxima semana para 0,5. Depois para 0,25 e na semana da circuncisão ele passou o primeiro dia sem a cânula e segurou muito bem a saturação de oxigênio em 99 e 100%. Agora só usamos o medidor de oxigênio e de batimento cardíaco durante noite pra monitorá-lo enquanto estamos dormindo.
  • Anthony é um comilão, mama no peito e na mamadeira! Na mamada da meia-noite, geralmente o papai dá uma mamadeira com fórmula e leite do peito. A fórmula é mais pesada e demora mais pra ser digerida -- assim ele pode dormir por mais tempo sem ficar com fome... o que provavelmente colabora para que o nosso bebê seja um...
  • Dorminhoco! Ele dorme que é uma beleza e não acorda toda hora de noite para mamar. Aliás, quem o acorda pra mamar de noite sou eu. Ele mama e dorme, e eu troco a fralda, coloco-o no bercinho e ele continua dormindo! Um santo.
  • É óbvio que de vez em quando ele chora. Ou porque está com a fralda suja, ou porque está com fome. Ou quando tem cólica. As cólicas começam geralmente de tardinha. Essa é a única hora em que ele chora e nada o consola... então damos um remedinho, fazemos massagem, botamos de bruço, ele se retorce, faz careta, e chuta e soca a gente... e passa de colo em colo até se acalmar nos braços de uma das vós. Aliás colo de vó tem alguma coisa de muito especial, porque a cólica sempre termina no colo de uma delas! 
  • Ele só faz cocô em fralda limpa. Incrível. É trocar a fralda com xixi e não dá cinco minutos, o cocô vem. Aí a gente espera um pouquinho pra ver se continua e nada... Só depois quando terminamos a nova troca é que ele termina o serviço, na fralda recém-trocada. O guri também adora fazer xixi enquanto estamos o trocando. E o alcance da parábola do xixi dele é supreendente. 
  • Anthony é um bebê muito forte, sorridente e esperto. Ele sustenta e controla bem o pescocinho, olha pra todos os lados, responde a estímulos sonoros e visuais, e até "conversa"com a gente, balbuciando sons enquanto estamos falando com ele. Ele presta atenção nas historinhas que lemos e contamos para ele. Ele gosta de ouvir música. Ele não se assusta com barulhos altos. Pode falar, cantar, ligar processador, aspirador, liquidificador, pode passar o trem, tocar alarme e o telefone. Ele não se incomoda... 
Menino de ouro! Foram tantas emoções! Como pode caber tanto amor, tanto medo, tantas alegrias e tantas dúvidas e certezas em apenas 4 semanas? E que outras emoções nos esperam? Em breve saberemos...

5 comentários:

Talita Lemos disse...

Fortes e profunfas emoções! Indescritível!E vai contunuar assim por muito tempo. ..pelo menos pra mim que ainda me demoro aqui...ja vovó Fátima que tem que voltar logo pra termina, lamenta, Como vou viver sem essa adorável Criaturinha por perto!

Talita Lemos disse...

Corrigindo:Vovó Fátima tem que voltar pra Terrinha!

Mara Fontoura disse...

Oi, Xandinha. Pelo amor que tenho por você, também me sinto meio avó deste menininho! Fico feliz em saber que ele está reagindo tão bem. E o papai como está? É bastante coruja? Desejo tudo de bom para esta família querida e que 2016 seja bem feliz!

Julia-chan disse...

Que lindo relato!!! Ele eh um anjinho fofo!!! Cada dia melhor mais forte e mais lindo!!!

Fátima Zagonel disse...

Xandinha, compartilhar estes momentos com vocês foi a melhor e mais intensa experiência da minha vida. Emoções que estavam esquecidas brotaram como novas, ter filhos é maravilhoso, ter neto é como te-los novamente, um amor imenso que se renova nesta criaturinha adorável que é o Anthony.com carinho e muito amor, Vovó